Um doidivanas mostra o seu saber por intermédio das palavras e um pouco da imagem. Poemas, opiniões, revisões. Uma mistura de sociedade e tecnologia. Com temáticas conforme me vou lembrando de escrever.

terça-feira, 23 de junho de 2015

No passado, a pensar em ti

Sem comentários
E estou eu aqui, destroçado.
Aqui sem teu ser ao meu lado.
Pedem-me para seguir em frente,
movo-me no tempo sem o presente!
Conforto-me com a ilusão que vais voltar.
Faz o acreditar, permitir o não desistir!
Nasce assim, esperança em mim,
lembro-me de ti no jardim
onde para nós foi o início.
Está-me a colocar no pricipício.
Devo em ti acreditar?
E porquê esta insanidade?
Como é díficil aceitar a verdade.
Podias só desaparecer,
mas fizeste questão de dizer acabou!
E nem a minha razão, nem o coração, aceitou!
E para já perdido sem a tua presença,
agora não consigo, mas o acordar marcará diferença.

Sem comentários :

Enviar um comentário