Um doidivanas mostra o seu saber por intermédio das palavras e um pouco da imagem. Poemas, opiniões, revisões. Uma mistura de sociedade e tecnologia. Com temáticas conforme me vou lembrando de escrever.

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

A Democracia continua a solução

Sem comentários

Diz-se que o poder da democracia está no povo, contudo verifica-se que é uma total mentira, ora isso é um problema. Diz-se que a anarquia é o ideal mais próximo da natureza, contudo existem regras em tudo, mesmo na natureza. Diz-se que o comunismo age em prol da comunidade, contudo o povo não tem poder. Diz-se que o socialismo pensa no pobre, mas instaurou-se um sistema que protege o mais rico.

Estes são meramente alguns aspectos dos ideais e nunca deixarão de ser apenas isso, ideias. O próprio manifesto comunista nunca conseguiu ser posto em prática em lado nenhum, nem em nenhum lado, o povo votou para um sistema comunista.


A Democracia continua a ser uma boa solução, o problema da democracia está nos chamados lobbys que ao longo dos tempos foram tomando o poder. O problema da politica é não fazer distinção entre gestão e idealismo.


Governar é gerir, então para isso requer-se uma equipa de gestores que devem e podem ser responsabilizados.


Politicalizar é descutir ideias, e só devem ser discutidas ideias que seja necessário mudar e nunca mexer no que já funciona para o fim que foi proposto.


Então é função de um politico encontrar ideias, procurar soluções ideológicas e não de governar.


A governação deve ser feita por uma equipa de gestão e a única salva destes se safarem da responsabililização é nas medidas que tenham a ver com as novas politicas que se deseja implementar.


A partir do momento que se identifica que uma medida não é válida esta deve ser imediatamente substituida sendo considerada uma prioridade.


O politico só conseguirá implementar a sua ideia depois da votação do povo na mesma, só assim garantimos democracia. O povo sente, o povo muda, e qualquer um pode tentar fazer vingar a sua ideia.


Chega de guerrear ideias megalómanas impraticáveis, vamos sim, a sentir que somos um todo, mudando gradualmente o que está errado, mudando agora, praticando agora a correcta medida, sabendo que agora foi praticado o melhor que se sabe. Se amanhã houver necessidade de corrigir, nesse agora o erro será corrigido, isto é evolução, isto é dar voz ao Povo, isto é Democracia tecnológica e evolutiva.


Este não é o meu manifesto, pois se houver algum anti que sou a favor é o anti alguma coisa. Não devemos ser anti, não devemos estar a discutir o que está errado, devemos praticar no agora aquilo que sabemos que é correcto e verdadeiro para nós no momento. Assim isto não é um manifesto é meramente um conjunto de ideias que sei que permitem ao humano uma evolução melhor, pois no seu conjunto permitem a transparência, a coerência e o verdadeiro. A sua implementação para Agora é impossível, mas transmitindo a ideia, quem sabe amanhã.


Hoje estas palavras cumprem. Do futuro não quero saber, pois quando o humano viver o agora, o paraíso voltará.


Abraça o futuro, vivendo Agora.


Força no Povo.

Sem comentários :

Enviar um comentário