Um doidivanas mostra o seu saber por intermédio das palavras e um pouco da imagem. Poemas, opiniões, revisões. Uma mistura de sociedade e tecnologia. Com temáticas conforme me vou lembrando de escrever.

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

app2sd no meu Android favorito: o Optimus Boston

Sem comentários
Introdução
Neste tutorial ensino a fazer app2sd, aplicações para o cartão, com o firmware original.
A parte mais complicada deste processo é o preparar do cartão SD, isto porque precisamos criar uma partição para dados e outra para as aplicações. Para particionar o seu cartão lei-a, preparando o cartão sd.

Nota:
Para finalizar este tutorial é necessário ser root do telefone, se ainda não é dono do seu Android, então leia o meu artigo, ser root do Android.

Depois de ter o cartão particionado:

Faça a transferência do link2sd do Market.
Arranque com o link2sd:

Seleccione o tipo da segunda partição.


Reinicie o telefone e depois volte ao link2sd se ele não vir a mensagem de cima então é porque o script de arranque foi instalado com sucesso.
O link2sd acrescenta no ficheiro install-recovery o seguinte:

Sem flashar uma system.img acaba por ser o melhor local para o colocar o script, mas bem era no rc.local (o autoexec.bat do linux) mas não é possível sem flashar uma imagem de sistema, pois este encontra-se na área de  sistema que é sempre flashada para a RAM sempre que iniciamos o telefone.
Ficamos então na zona do utilizador (/data) com uma pasta de nome sdext2, esta pasta é onda a nossa partição ext3 é montada. 
Com a instalação do link2sd podemos gerir as aplicações que colocamos para o cartão e as que não. Mas não fico por aqui pois com muitas aplicações o dalvik-cache fica enorme e ocupa muito espaço em /data.
Neste tutorial apenas uso o link2sd para criar o script pois é a forma mais simples, se desejar mover todas as aplicações para o cartão, incluindo o dalvik-cache continue, senão este tutorial terminou para si, fica agora em suas mãos decidir quais as aplicações que vão para o cartão e quais as que deixa na memória interna (estas serão mais rápidas).
Se decidiu continuar vamos lá fazer mais uns ajustes.
Desinstale o link2sd, só queria o script e este fica criado mesmo depois da desinstalação.

Abra uma linha de comandos para adb (ver usando o Boston por adb)
Vamos então criar os links para o cartão.



Criamos as pastas no cartão:

# mkdir /data/sdext2/app
# mkdir /data/sdext2/dalvik-cache

Copiamos o actual conteúdo das aplicações para o cartão:
# busybox cp /data/app/*.* /data/sdext2/app

Apagamos a pasta app e o dalvik-cache:

# rm -r /data/app
# rm -r /data/dalvik-cache

Agora vamos criar ligações simbólicas para o cartão:
# ln -s /data/sdext2/app /data/app
# ln -s /data/sdext2/dalvik-cache /data/dalvik-cache




Se executar o comando ls -l vai ver como em cima a pasta dalvik-cache e app com um simbolo -> a apontar para o cartão.


Agora podemos mandar o telefone reiniciar :)
# reboot


Depois do o telefone reiniciar está pronto. A partir deste momento todas as aplicações que instalarmos vão para o cartão de forma transparente. O mover do dalvik-cache é opção mas para quem vai fazer intenção de instalar muitas aplicações, acaba por ser obrigatório, com as minhas aplicações base instaladas o dalvik-cache ocupava-me mais de 90Mb motivo que me levou a movê-lo.
Podemos também fazer o mesmo com a pasta data mas não recomendo, pois com tudo para o cartão pode ficar muito lento, esta pasta é onde as aplicações guardam dados, assim elas correm do cartão mas estão a usar a memória interna para dados (dependendo da aplicação).

Se algo correr mal e o telefone estiver sempre em loop de arranque, enganou-se em alguma coisa!!!
Ligue-se por adb para corrigir o problema, faça uma listagem e verifique as ligações:
# ls -l /data
Se alguma ligação estiver mal criada, pode simplesmente apagá-a e voltar a criar outra o procedimento é o mesmo que indicado em cima.
Se não conseguir corrigir o problema pode sempre entrar em modo modo recovery (Vol_Cima+Camera+Power) e escolher wipe data/factory reset ou fazer um master RESET (Tecla vermelha+Camera+Power) e voltar a criar as ligações como indicado em cima.


E já está, temos o nosso Boston com o firmware original e com as aplicações para o cartão de forma transparente para o sistema.

Nota: este método traz o inconveniente que NÃO podemos remover o cartão SEM desligar o telefone, pois isso iria afectar o funcionamento de aplicações que estão a correr e perder os widgets. Ficamos na mesma com Armazenamento USB activo claro.

Alguma questão deixe um comentário. :)

Sem comentários :

Enviar um comentário